Como proteger seu procedimento de check-in e cancelamento

Para poder ajudá-lo, é crucial que siga o procedimento correto para o check-in.

Se a eviivo não puder provar que o hóspede ficou na sua propriedade, não poderemos convencer o banco a pagar o dinheiro assim que o contrato for retirado.

Até os melhores e mais bem-sucedidos hotéis do mundo se protegem contra estornos fazendo o seguinte:

  • Certifique-se de fazer o check-in do hóspede no diário da eviivo suite no dia da chegada, antes de processar a cobrança e não depois!
  • Sem um registro de data e hora digital, não poderemos argumentar com êxito que o hóspede ficou.

Se estiver no local:

  • Quando o hóspede chegar, peça que assine um cartão de registro e tire uma fotocópia do passaporte ou outro documento de identidade e cartão de crédito.
  • Verifique se o cartão de crédito é emitido em nome da pessoa que está fazendo o check-in.

Se não estiver no local (você está gerenciando alguns locais remotamente), precisará fazer uma prova eletrônica.

  • Peça ao hóspede que use o smartphone e envie uma foto do passaporte ou outro documento de identidade (verifique se ele corresponde ao nome na reserva)
  • Peça ao hóspede que use o smartphone e envie uma foto do cartão de crédito – na frente e atrás, idealmente (verifique se ele corresponde aos detalhes do cartão na reserva).

Se o cartão fornecido pelo hóspede NÃO coincide com o cartão na reserva ou no passaporte, tenha muito cuidado com os fraudadores.

Qualquer hóspede que dispute o pagamento com cartão posteriormente, às vezes muito depois do evento, terá direito de passagem se você não puder fornecer provas de que ele ficou na sua propriedade.

Por fim, se um hóspede ligar para você para cancelar uma reserva, certifique-se de cancelá-la também no Diário da eviivo e não exclua nenhum e-mail de confirmação / cancelamento gerado pela eviivo Suite (uma cópia é sempre anexada à reserva).